13/12/2016 - 2 minutos de leitura.

Estados Unidos querem acelerar recall de air bags

Departamento de Transportes do país pede máxima urgência na troca de componentes defeituosos

Carro

Vai comprar um 0km? Nós te ajudamos a escolher.


Air bags deflagrados após acidente

O Departamento de Transportes dos Estados Unidos quer acelerar a realização do recall que envolve os air bags fabricados pela Takata. Segundo o órgão, 11 mortes e ao menos 184 feridos foram ligados diretamente às bolsas defeituosas e, por isso, a troca dos componentes é de máxima urgência.

Os carros que oferecem mais riscos serão priorizados, e as fabricantes dos veículos terão que se reportar ao órgão de segurança viária do país, o NHTSA, quando tiverem a quantidade necessária de peças para troca. Além disso, também é de responsabilidade das marcas notificar os proprietários e convocá-los para a substituição dos air bags defeituosos.

O maior recall da história da indústria automotiva deverá chamar de volta às concessionárias cerca de 42 milhões de veículos. Um problema no dispositivo que infla os air bags faz com que fragmentos da peça possam ser projetados em direção aos ocupantes no caso de um acidente onde as bolsas sejam infladas, causando os ferimentos e mortes.

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais