Redação

02/04/2020 - 3 minutos de leitura.

Air bag mortal da Takata faz Volkswagen realizar recall de sete modelos

Ação de recall da Volkswagen começará em novembro e abrange os modelos CrossFox, Fox, Gol, Polo, Polo Sedan, SpaceFox e Voyage

air bag
Air bag defeituoso da Takata Crédito: Rebecca Cook/Reuters)
Carro

Vai comprar um 0km? Nós te ajudamos a escolher.

A Volkswagen vai realizar, em novembro, o recall de sete dos seus modelos: CrossFox, Fox, Gol, Polo, Polo Sedan, SpaceFox e Voyage. Os carros chamados vão ser do ano/modelo 2006 a 2010. O motivo? Os já conhecidos “airbags mortais” da fornecedora japonesa Takata. O recall atinge 8.548 veículos.

Continua depois do anúncio

Segundo a montadora, a data de início do atendimento é 30 de novembro deste ano. A Volkswagen do Brasil declara não ter conhecimento “de qualquer ocorrência até o momento”, desta forma, o recall “tem caráter preventivo”.

Para o recall, serão chamados os modelos com data de fabricação entre 18/02/2006 e 31/07/2009. Os chassis são:

CrossFox

Ano/modelo: 2006 a 2009

Chassis não sequenciais: 64207647 a 94118967

Fox

Ano/modelo: 2006 a 2009

Continua depois do anúncio

Gol

Ano/modelo: 2009

Chassis não sequenciais: 9T000032 a 9T219572; de 9P000097 até 9P056802

Polo

Ano/modelo: 2007 a 2008

Chassis não sequenciais: 7P017781 a 8P026659

Polo Sedan

Ano/modelo: 2007 a 2008

Chassis não sequenciais: 7P007372 a 8P033262

SpaceFox

Ano/modelo: 2006 a 2010

Chassis não sequenciais: 6A300180 a AA015813

Voyage

Ano/modelo: 2009

Chassis não sequenciais: 9T040416 a 9T219703

Air bag levou fabricante à falência

As primeiras suspeitas que recaíram sobre os airbags da Takata, produtora japonesa de acessórios automotivos, surgiram em 2013. Após anos e mais de 100 milhões de recalls convocados por 15 marcas ao redor do mundo, a companhia japonesa faliu.

A Takata possuía fábrica no Brasil, por isso, muitos veículos que rodam no País foram equipados com o tal do “airbag mortal”. Porém, afinal de contas, qual é o problema com esse acessório?

O deflagrador da bolsa inflável é acionado por um gás. Assim, a Takata usou o nitrato de amônio, um gás instável e que varia de acordo com a temperatura e umidade. Ao ser acionado, o airbag tem uma explosão violenta, rompendo o tubo disparador em fragmentos de metal, os quais são arremessados para o interior do veículo, fazendo o inverso de proteger.

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais