José Antonio Leme

18/06/2020 - 8 minutos de leitura.

Triumph Tiger 900 chega ao País em duas versões

Nova geração da big trail intermediária chega nas versões 900 GT Pro e 900 Rally Pro a partir de R$ 57.990

tiger 900
NOVAS TIGER 900 GT PRO E 900 RALLY PRO Crédito: TRIUMPH
Carro

Vai comprar um 0km? Nós te ajudamos a escolher.

A Triumph está lançando no Brasil a Tiger 900 para substituir a Tiger 800. Montada em Manaus (AM), a moto será oferecida inicialmente nas versões: 900 GT Pro (R$ 57.990) e 900 Rally Pro (R$ 59.990). Esses valores são promocionais para o primeiro de cerca de 70 motos. A partir de 1º de julho, a tabela subirá por causa da alta na cotação do dólar, de acordo com informações da empresa.

As duas são versões de topo da opção mais focada no uso no asfalto (900 GT Pro). E do modelo para quem busca capacidade off-road (900 Rally Pro). A nova Tiger 900 chega ao Brasil após cerca de seis meses do lançamento na Europa. O modelo foi mostrado no mercado europeu em dezembro.

TRIUMPH

A Tiger 900 manteve sua principal característica, o motor três cilindros. Mas a capacidade cúbica aumentou: foi de 800 cm³ para 888 cm³. Apesar disso, a potência foi mantida em 95 cv que chegam a 8.750 rpm e o torque é de 8,8 mkgf a 7.250 rpm. O pico de torque é 10% que o motor antigo e o pico de potência em rotações médias ficou 9% maior. O câmbio continua a ser de seis marchas.

Outra mudança mecânica está no radiador, que foi dividido. São dois radiadores, flancados na dianteira da moto. Segundo a Triumph, isso melhora o resfriamento do motor e também reduz o calor emanado para as pernas dos piloto. Além disso, permitiu avançar a posição do propulsor, reduzindo o centro de gravidade (20 mm mais baixo).

O tanque de combustível também cresceu um pouco, passando de 19 litros da Tiger 800 para 20 l na nova geração. Apesar disso tudo, a Tiger 900 está até 5 kg mais leve. Ela tem um novo chassi de treliça de aço e um sub-chassi de alumínio.



Inscreva-se no canal do Jornal do Carro no YouTube

Veja vídeos de testes de carros e motos, lançamentos, panoramas, análises, entrevistas e o que acontece no mundo automotivo em outros países!

Inscrever-se

Tiger 900: ergonomia

Em termos de ergonomia a Tiger 900 também mudou. O novo para-brisa, maior, também é ajustável. Na ergonomia, a empresa deixou o banco mais estreito e o guidão foi recuado 10 mm, ficando mais próximo ao piloto. O guidão da versão 900 GT Pro tem 930 mm e o da 900 Rally Pro tem 935 mm de largura. As pedaleiras podem ser ajustadas em até 20 mm.

O sistema de freios é o Brembo Stylema com discos duplos de 320 mm na dianteira e simples de 255 mm na traseira. As pinças são monobloco com quatro pistões na frente e um atrás. As duas versões que chegam inicialmente ao Brasil têm ABS com função de curva (cornering ABS).

TRIUMPH

As rodas são de liga leve para a Tiger 900 GT Pro com 19 polegadas na dianteira e 17″ atrás. No caso da 900 Rally Pro os componentes têm 21″ e 17″, respectivamente. O que permite melhor capacidade off-road, além de uso de pneus de cravo mais “potentes” para o fora de estrada.

Em termos de suspensões, a Tiger 900 GT Pro usa a marca Marzocchi com 180 mm de curso na frente e 170 mm na traseira. O diferencial nesse caso é o ajuste elétrico na traseira da pré-carga, compressão e retorno. São nove níveis de amortecimento e quatro de pré-carga. Na 900 Rally Pro, o kit é da japonesa Showa com 240 mm de curso na dianteira e 230 mm na traseira, respectivamente. O ajuste é pré-carga, retorno e compressão.

TRIUMPH

Equipamentos e eletrônica

Para as duas versões há uma infinidade de novos equipamentos. O painel de instrumentos é novo. A tela de TFT colorido e configurável agora tem sete polegadas e vem de fábrica com o sistema de conectividade My Triumph. Isso permite parear o smartphone para usar informações de navegação direto na tela e comandar uma câmera GoPro, entre outros.

Elas trazem ainda a unidade de medição inercial (IMU) que “lê” a aceleração e inclinação da moto para aplicar com a potência correta, pressão de freio, ABS e controle de tração quando necessário. A GT Pro tem cinco modos de pilotagem, a Rally Pro oferece seis.

TRIUMPH

Rain, Road, Sport, Off-Road e Configurável. No caso da Rally Pro, o sexto modo é o Off-Road Pro. As mudanças entre os modos estão na resposta do acelerador, do ABS e do controle de tração. Para os modos off-road, há uma função batizada de “antiparalisação”.

Essa função aumenta automaticamente a rotação da marcha lenta para evitar a parada ou que a moto morra em velocidades baixas em transposições. No caso do Off-Road Pro, para ser usado com pneu de cravo, os sistemas ABS, controle de tração são completamente desativados e é programado um mapa de acelerador exclusivo.

Os modelos trazem ainda luzes de LEDs nos faróis, lanternas e setas e quickshift de série. O sistema permite “subir” e “descer” marchas sem acionar o manete de embreagem durante a condução, realizando trocas mais rápidas e práticas. Há ainda sistema de monitoramento de pressão dos pneus e um novo “joystick” para acessar as telas do painel de instrumentos. A Tiger 900 traz agora também, sob o assento, uma tomada USB de 5V.

TRIUMPH

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais