Redação

07/08/2020 - 3 minutos de leitura.

Toyota tem o pior resultado trimestral em nove anos

Ainda assim, a montadora conseguiu retomar as vendas melhor e mais rápido do que o previsto após a pandemia de coronavírus em alguns mercados

toyota
TOYOTA Crédito: PIXABAY
Carro

Vai comprar um 0km? Nós te ajudamos a escolher.

A Toyota registrou seu menor lucro trimestral em nove anos. Os dados, claro, são reflexo da pandemia do novo coronavírus, que reduziu pela metade as vendas da marca. Com isso, o lucro da companhia sofreu uma queda de 74% no último trimestre do ano fiscal japonês. O período é entre abril e junho.

O lucro operacional da Toyota despencou 98%, para US$ 131,73 milhões, cerca de R$ 700 milhões. A Toyota reiterou sua previsão de lucro operacional anual de 500 bilhões de ienes, a mais fraca em nove anos, argumentando que o coronavírus ainda poderia prejudicar suas perspectivas de vendas.

“O ritmo da recuperação em várias regiões foi mais rápido do que o previsto inicialmente”, disse um porta-voz da Toyota. “Mas a situação do vírus continua a colocar muitas incertezas na perspectiva dos negócios e vemos a possibilidade de que nossa previsão possa mudar.”



Inscreva-se no canal do Jornal do Carro no YouTube

Veja vídeos de testes de carros e motos, lançamentos, panoramas, análises, entrevistas e o que acontece no mundo automotivo em outros países!

Inscrever-se

A expectativa da marca é vender globalmente 9,1 milhões de carros este ano. É uma queda de 13% em relação aos 10,46 milhões do ano passado. Contudo, a perspectiva inicial era de queda de 15% para este ano, já reajustada.

Queda na América do Norte atingiu a Toyota

A Toyota espera ser mais atingida na América do Norte, seu maior mercado. O continente é responsável por 25% de suas vendas globais e tem uma previsão de queda anual de 14% nas vendas. Uma queda de 62% na região durante o primeiro trimestre levou a uma queda de 50% nas vendas globais consolidadas, indo a 1,16 milhão de unidades.

Mas como as vendas caíram na maioria das regiões, a China tem sido um ponto positivo para a Toyota. A demanda no maior mercado de automóveis do mundo se recuperou mais rapidamente do que em outros lugares, já que o país reprimiu a pandemia e reabriu sua economia.

Os japoneses esperam que as vendas globais melhorem gradualmente até dezembro, voltando ao normal entre janeiro e março de 2021 e aumentando 5% no próximo ano fiscal.

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais